sábado, 27 de dezembro de 2014

Juvenis vencem jogo complicado!

À segunda jornada do campeonato apareceu o primeiro jogo "durinho" do campeonato, jogo que se adivinhava complicado e de bom nível tal como aconteceu no torneio inicio e assim foi. Jogo difícil para as três equipas, com a UDC a vencer na casa do GDM|AAUBI por 1-5.
Jogavam primeiro e segundo, ambos a levar de vencido a primeira ronda por números expressivos. Foi a equipa da casa a entrar melhor no jogo perante alguma apatia e desacerto e logo nos primeiros minutos a chegar com perigo à baliza de João Andrade, contudo o nulo ia-se mantendo e o Caria procurava responder mas os locais chegariam mesmo à vantagem por João Matos à passagem do minuto 3'. Este golo veio despertar os nosso juvenis que poderiam ter chegado à igualdade no minuto seguinte por Cristovão e dois minutos depois por Henrique  Amaral mas o GR local a dar o peito às balas. O empate chegaria através de jogada de laboratório, bom passe de Adriana com Hugo a rematar de primeira sem deixar a bola cair e a estabelecer o empate ao minuto 16 .
Os forasteiros queriam mais, Tiago a isolar-se mas a não conseguir dar o melhor seguimento à jogada. Na outra baliza, Henrique colocava João à prova e após um desentendimento defensivo Alexis aparece isolado mas não consegue finalizar. Minutos depois a UDC a reclamar penalti por 2 vezes por alegada mão de jogador da casa na área.
Jogo tu cá, tu lá com muita transição e chegava o intervalo com tudo empatado, a penalizar  a má entrada da UDC.
Segunda parte a iniciar-se com os caseiros novamente melhor e a chegar perto da baliza de João, com pressão muito alta, sobrava algum espaço que a UDC tratou de aproveitar, mas Tiago e Cristóvão não deram o melhor seguimento aos lances. até que aos 9' Cristóvão isola-se e quando tinha tudo para fazer o golo na cara do guardião é rasteirado por João Matos, que recebe ordem de expulsão.
A jogar de 4x3 a UDC chegaria à vantagem por Adriana, bola a circular de pé para pé de Cristóvão para Henrique e deste para Adriana que remata de primeira para o ângulo superior sem hipóteses de defesa.
O Cariense continuou a carregar e Ricardo esteve a centímetros de aumentar a vantagem, o 1-3 chegaria por Cristóvão, a conduzir pela ala e a rematar cruzado sem hipóteses de defesa estavam corridos 22'. Mas o locais não baixaram os braços e Cláudio acerta no ferro com João completamente batido seria um grande golo, mas como quem não marca sofre, Adriana ampliava para 1-4 à passagem do minuto 25.
O GDM | AAUBI montou o seu 5x4 mas não conseguia entrar na muralha cariense. E podia ter sido o Caria a ampliar mas Tiago e Henrique a falharem o alvo. O melhor estava guardado para o fim e Adriana faria mesmo um hat-trick com um golo a 25 metros da baliza, fazendo um chapéu de belo efeito ao jogador que estava perto da baliza.
Vitória justa do cariense que dorme na liderança por a Desportiva do Fundão só joga amanhã.
O jogador em evidência na partida foi a capitã Adriana a fazer 3 golos e uma assistência, fazendo um jogo fantástico a todos os níveis.
Arbitragem de Bruno Duarte com nota positiva, num jogo difícil de apitar com muito choque e alguns cartões necessários, ficou por marcar um penalti na primeira metade a favor da UDC, mas que não desvirtuou o jogo.

sábado, 20 de dezembro de 2014

Iniciados perdem ao cair do pano!

Antevia-se grande jogo em Caria entre a UDC e a ADF e os sub 15 de ambas as formações não desiludiram, grande jogo a um ritmo bastante bom para a categoria. De um lado a UDC que somava tantas vitórias como jogos, do outro o Fundão que tinha apenas tropeçado perante a ADIN.
Jogo repartido de inicio, com a primeira ocasião clara de golo a pertencer à UDC com Eurico a servir Nico e este só com o GR a devolver a Eurico que não conseguiu finalizar, minuto volvido e seria Rafa em boa posição a rematar contra o corpo do adversário, o sinal mais continuava e Eurico a ganhar o ressalto ao GR da ADF mas não consegue chegar a tempo de empurrar para a baliza deserta. A resposta da ADF  veio por Rui Brito com um remate cruzado perigosíssimo à baliza de Gonçalo, também Joaquim tentou a sorte de longe mas Gonçalo a resolver.
Aos 15'  bom entendimento de Eurico e Adriana com o primeiro a falhar o chapéu por pouco. O mesmo Eurico aos 16'  a recuperar a bola e numa situação de 2x1 com Nico a não servir o colega rematando por cima.
A UDC voltou a criar e perigo e Luis primeiro depois Adriana acertaram na malha lateral. O Fundão respondeu com boa jogada individual de Joaquim com a capitã Adriana a cortar no último segundo.
Intervalo com tudo empatado.


Segunda parte a iniciar-se electrizante com boa intervenção de Gonçalo a remate de Joaquim e depois com a UDC a ter tudo para marcar, triangulação entre Eurico, Nico e Adriana com a última a não conseguir finalizar com a baliza deserta.
Aos 32' Rafa recupera em zona recuada segue isolado mas permite que Gonçalo Canavilhas chegue a tempo de cortar o lance. Depois é Luis aos 11 a desperdiçar na cara do GR da ADF. Aos 35' lance capital do jogo, com Rafa a recuperar a bola a servir Luis e este já dentro de área a ser rasteirado pelo GR da ADF, a dupla de arbitragem assinalou livre. Aos 38' Bruno serve Eurico que desperdiça o primeiro da partida.
O Fundão respondeu e André Madeira obriga Gonçalo a defesa apertada para canto. Logo depois seria Rui Brito a rematar com Gonçalo a responder pronto.O mesmo Rui Brito, 1 minuto volvido, a perder o duelo com o GR Cariense. Aos 44' Bola longa de Eurico a descobrir Rafa que coloca no segundo poste onde Luis de carrinho remata á malha lateral com o GR da ADF completamente batido. Aos 47'  surge o primeiro da partida, para ADF, canto batido na esquerda do ataque e o elemento mais rematador da ADF, Joaquim Amaral, a fazer o 0-1.
Era o balde de água fria para a UDC, mas aos 48' Adriana abriu o livro, perda de  bola de Eurico com  a ADF a ir de 2X1, Adriana a recuperar a bola a sair a driblar do meio campo defensivo, passando tudo e todos e à saída do GR da ADF a rematar de pé esquerdo por cima do mesmo, restabelecendo o empate.
Quando se pensava que o jogo ia terminar com a divisão de pontos, ultimo minuto com erro infantil de Eurico a perder a bola no último homem e Joaquim Amaral a não desperdiçar disparando um míssil indefensável para Gonçalo.
Em evidência estiveram, Gonçalo com um punhado de grandes defesas a manter o nulo durante 47 minutos e  a capitã Adriana um golo soberbo, conduziu a equipa durante  todo o jogo, sem perder qualquer duelo individual, quase irrepreensível tacticamente.
Dupla de arbitragem liderada por Jorge Abrantes, com arbitragem bastante positiva, a pecar apenas no lance no penalti a favor da UDC.  

segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

10ª Jornada Campeonato Nacional 2ª Divisão Serie C 2014/2015

"A União Desportiva Cariense fechou o ano com uma vitória e recuperou a terceira posição do Campeonato Nacional da 2ªdivisão (série C). No arranque da segunda volta, a equipa de Caria foi vencer ao terreno do ABC Nelas, por 6-4, e quebrou um ciclo menos positivo, de três jogos consecutivos sem vencer (um dos quais para a Taça de Portugal).



No pavilhão Municipal de Nelas, a turma comandada por Vítor Espinhaço esteve sempre na frente do marcador, ao intervalo vencia por 3-2 com golos de Shina, Traitas e Tiko. Na segunda parte, a equipa do concelho de Belmonte assegurou o triunfo com golos de Tiko, Traitas e Mocho, num jogo em que Traitas acabou por ser expulso, tal como aconteceu na primeira volta frente ao ABC Nelas. O atleta ficará impedido de dar o seu contributo à equipa no próximo jogo (03 Janeiro) frente ao Grupo Desportivo das Lameirinhas."

Texto: Nelson Fernandes (Rádio Caria)



Tribuna Desportiva

RESUMO



FICHA DE JOGO

Sábado | 13 Dezembro | 17:00
10ª Jornada | CN II Divisão| Serie C
Pavilhão Gimnodesportivo Municipal de Nelas
Árbitros: Carlos Pereira e Nuno Presa (AF Vila Real)
ABC Nelas 4 - 6 UD Cariense

ABC NELAS
João Miguel (GR), Júlio Mendes, Luís Santos, Ricardo Fernandes, Russo, Ricardinho, Claudinho, Berto Berek,  Gasa (GR), Fabinho (C) e Pedro Ferreira.
Treinador: Rui Almeida

UD CARIENSE
Mika (GR), André, Gonçalo, Carlitos, Fábio, Mica, Carapito, Tiko, Ângelo (C),Traitas, Shina e Mocho (GR).
Não convocados: David e Dário (GR)
Treinador: Vitor Espinhaço

DISCIPLINA
Amarelos: Gaza, Claudinho, Berto Berek, Russo, Carapito e Traitas (2)
Vermelho: Traitas

EM FRENTE UDC

domingo, 14 de dezembro de 2014

Juvenis abrem campeonato com goleada!

Depois de vencer os torneio de abertura, os nossos juvenis apresentaram-se em  casa para jogar a primeira jornada do campeonato, perante um adversário desconhecido na presente temporada.



Inicio de jogo muito forte da UDC, com muita bola, mas com alguma falta de descerenimento no último passe e com falta de objectividade.
As oportunidades iam surgindo mas ora o GR adversário defendia ora era o Cariense a desperdiçar. Cristóvão por 2 vezes na cara do guardião não levou a melhor, Henrique com tudo para fazer o golo no segundo poste acerta no ferro. Tiago de livre coloca o GR à prova. Adriana também não foi capaz de bater o Gr depois de bom lance colectivo.
A ansiedade ia crescendo com o passar dos minutos sem o golo surgir, e seria o Ladoeiro a acertar no ferro depois de grande intervenção de João Andrade.
Apenas a 5 minutos do descanso surgiu o primeiro da UDC, com Henrique a concluir no segundo poste. Um minuto volvido e seria Ricardo a marcar. Ainda antes do intervalo Adriana estabelecia o 3-0 com que se chegou ao descanso.
A segunda parte trouxe 9 minutos de grande nível e intensidade com a UDC a ampliar o score para 11-0. Cristovão fez o gosto ao pé por 5 vezes, Ricardo por mais 2 e Zé Mendes, sentenciando completamente a partida.
O Ladoeiro viria a reduzir para 11-1 ao minuto 23' já com Gui, jovem GR dos iniciados, na baliza e 1 minuto depois obrigou Gui a excelente intervenção.
Até final a UDC voltaria a marcar por mais 3 vezes por Adriana, Cristóvão e Tó fixando o score final em 14-1. 
Destaque individual para Cristóvão ao apontar 6 golos, depois de uma primeira parte pouco inspirada e com muitos lances em que se pedia mais ao camisola 7 da UDC. Na segunda metade o atleta da UDC apareceu inspirado e balanceou a equipa para a goleada.

Arbitragem decidiu quase sempre bem e actuou de forma pedagógica evitando cartões desnecessários num jogo demasiado desnivelado.

Iniciados continuam invictos!

Foi com grande competência e seriedade que os nossos iniciados encararam o jogo com o último classificado do campeonato, vencendo por expressivos 0-12.
A UDC a entrar a mandar no jogo como se previa e a chegar ao terminus do primeiro tempo com uma vantagem de 4 golos, apontados por Eurico (2) , Adriana e Luís permitindo ao mister André rodar todos os atletas e proporcionar mais minutos a alguns jogadores menos utilizados.
Na segunda parte a UDC ampliou o score, com mais 3 golos de Eurico, 2 de Miguel , Nico, Adriana, Bongas e Eduardo, fixando o score final em 0-12, que não foi ampliado para números mais expressivos por grande capacidade do GR adversário,

Num jogo sem grande destaque individual, boa prestação do infantil Miguel ao apontar 2 golos.
Arbitragem sem dificuldades , sem se dar por ela.

quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

Juvenis vencem Torneio de Abertura


"A equipa de juvenis da União Desportiva Cariense está de parabéns por ter conquistado o primeiro troféu da época da Associação de Futebol de Castelo Branco.
A turma de Caria conquistou o Torneio de Abertura de Futsal, apesar da derrota por 4-3 no jogo da 2ª mão da final frente a Associação Desportiva do Fundão, valendo o triunfo conseguido no primeiro jogo por 4-2 no terreno da Desportiva.
Costinha treinador da equipa refere que "foi uma conquista agridoce pelo facto de ter perdido o segundo jogo da final" mas mostrou-se satisfeito pelo comportamento dos jovens atletas frente a "um adversário com muita vontade de mudar os acontecimentos". Uma conquista "de toda a formação da União Desportiva Cariense", uma aposta que se iniciou há três anos, que tem dado frutos e que concentra cerca de meia centena de atletas desde as escolinhas, passando pelos iniciados e pelos juvenis.
Apesar da vitória no segundo jogo da final do Torneio de Abertura, a Associação Desportiva do Fundão acabou por perder o troféu na estreia do treinador Rui Pedro que destacou "a entrega" dos atletas numa "vitória amarga" referiu o treinador.

Depois deste Torneio de Abertura virá o Campeonato Distrital de Juvenis, com três principais candidatos ao título, UD Cariense, AD Fundão e GD Mata/AAUBI."

Texto: Nelson Fernandes (Rádio Caria)

terça-feira, 9 de dezembro de 2014

9ª Jornada Campeonato Nacional 2ª Divisão Serie C 2014/2015

"No fecho da primeira volta do Campeonato Nacional da 2ªdivisão (série C), a União Desportiva Cariense sofreu a segunda derrota caseira da época ao perdeu por 4-3 frente á Associação Desportiva de Viseu, um candidato assumido que passou a liderar a série, face ao deslize caseiro da equipa São João de Coimbra.
Mas o candidato sofreu para levar os três pontos de Caria, ao intervalo perdia por 3-0, com golos de Shina (12’), André Carapito (18’) e Carlitos (19’), fruto da eficácia da equipa comandada por Vítor Espinhaço que soube, e bem, contrariar o poderio técnico e táctico do adversário que pecou na finalização, com muito mérito para o guarda-redes Mocho que foi mantendo a baliza inviolável.
Logo a abrir a segunda parte, Tiko surgiu isolado perante o guarda-redes Nilton e poderia ter dado uma vantagem confortável de quatro golos à equipa da casa, um lance capital do jogo como realçou também o treinador da turma de Caria. A partir daí, inverteram-se os papéis, a intensidade do jogo manteve-se mas foi a turma de Viseu mais eficaz no remate, com golos de Pardal (25’ e 38’), Pablo (33’) e Bruno (34’).
No final do jogo, o rosto dos jogadores da casa era sinónimo de desalento, de quem teve tudo mas… com nada ficou. Do lado oposto, a alegria de quem venceu um jogo que esteve “quase dado” como perdido. O trio de arbitragem que viajou de Coimbra, liderado por Pedro Costa, teve um trabalho positivo.
No final do encontro o treinador Vítor Espinhaço disse que a sua equipa teve “uma boa atitude num jogo de desgaste” frente á “melhor equipa do campeonato” mas “é sempre complicado perder desta forma”.
Por seu lado, o treinador adjunto da turma de Viseu salientou que “foi provavelmente o jogo mais difícil da época até ao momento”, André Sapata acrescentou que “já ficava satisfeito com o empate”.

Com esta derrota, a equipa de Caria fecha a primeira volta do campeonato na quarta posição com 16 pontos, enquanto a turma de Viseu assume a liderança com 24 pontos."

Texto: Nelson Fernandes (Rádio Caria)



RESUMO



FICHA DE JOGO

Domingo | 06 Dezembro | 18:00
9ª Jornada | CN II Divisão| Serie C
Pavilhão Gimnodesportivo Municipal de Caria
Árbitros: Pedro Costa e Ricardo Eufrásio (AF Coimbra)
UD Cariense 3 - 4 Viseu 2001

UD CARIENSE
Mika (GR), André, Gonçalo, Carlitos, Fábio, Mica, Carapito, Tiko, Ângelo,Traitas, Shina (C) e Mocho (GR).
Não convocados: Pirico, Tony, David e Dário (GR)
Treinador: Vitor Espinhaço

VISEU 2001
Gasa (GR), Nilton (GR), Miguel (C), Bruno, Pardal, Nico, Porfírio, Pablo, Javi, Chapu, Romário e Magalhães,
Treinador: David Sousa

DISCIPLINA
Amarelos: Carlitos, Carapito, Chapu, Romário e Pablo,

EM FRENTE UDC

sábado, 6 de dezembro de 2014

Iniciados sofrem para vencer!

Jogou-se este sábado em Caria a 6ª jornada do campeonato de Iniciados, um mês depois os nossos iniciados voltaram à competição ( de lamentar tanto tempo sem jogos, alerta AFCB!!!), foram poucos os que se deslocaram ao pavilhão para assistir a um jogo que   opunha a única equipa da competição só com vitórias ao Sernache. A UDC precisou de sofrer para levar de vencida a equipa adversária (3-2).
A UDC a entrar bem no jogo a comandar todas as operações mas o desacerto no último passe e na finalização era notório o que colocava alguma ansiedade nos jogadores locais.
Adriana em boa posição oferece o golo a Bruno que não consegue chegar à bola. E seria mesmo a capitã Adriana a inaugurar o marcador, jogada de laboratório e finalização soberba com a bola a entra no ângulo, sem hipoteses para o GR adversário.
O Sernache ia dando sinal de estar presente e Joana Galvão coloca à prova Gui que defende para o poste.
Seria o Caria a voltar a marcar desta feita por Eurico, rematando à entrada da área sem hipóteses de defesa.


Chegava o intervalo com (2-0) para os locais num jogo algo atípico em que o Sernache se ia valendo de Joana Galvão para atacar a baliza Cariense e o Caria não conseguia lidar com desorganização adversária e sentia-se frustrado por não ampliar a vantagem e tranquilizar-se. 
Segunda parte a iniciar-se com bola no poste por parte da UDC , respondida com também bola no poste da baliza à guarda de Gui e de seguida o Sernache viria a reduzir num lance em que Rafa e Gui ficam a olhar um para o outro e o jogador do Sernache acreditou e reduziu para a margem mínima. Contudo foi sol de pouca dura visto que Eurico faria poucos minutos depois o segundo da conta pessoal e o terceiro da UDC ampliando para 3-1, o Caria parecia despertar, Rafa acerta com estrondo no poste, Nico em joga individual primeiro abriga o GR a defesa apertada e depois acerta no poste novamente. Mas a equipa do pinhal não virou nunca a cara à luta e Joana Galvão passa facilmente por Rafa e faz o 3-2, colocando o Caria em apuros a 5 minutos do terminus do encontro. No minuto seguinte Miguel sem o GR na baliza permite a defesa do jogador adversário em cima da linha de golo.
Os últimos minutos seriam de sofrimento, perda infantil de bola de Eurico em zona recuada e a suspeita do costume Joana Galvão só com Gonçalo na baliza acerta no poste.
Jogo equilibrado por equipa aguerrida que se apresentou com 2 raparigas em 8 atletas, recordamos que esta foi uma proposta da UDC à AFCB, que veio enriquecer o campeonato distrital de iniciados e desporto em geral.
Jogo sem grande destaque individual, mas Eurico, com 2 golos, mesmo lesionado, procurou sempre ampliar a vantagem  e conferir segurança à equipa mancha a exibição com erro infantil a minutos do final da partida.
Arbitragem de Rúben e João Baptista segura e bastante pedagógica como se pede nestas idades!

quinta-feira, 4 de dezembro de 2014

8ª Jornada Campeonato Nacional 2ª Divisão Serie C 2014/2015


"No fecho da 8ª jornada do Campeonato Nacional da 2ªdivisão (série C), a União Desportiva Cariense empatou pela primeira vez esta época, num jogo em que a equipa de Vítor Espinhaço esteve sempre na frente do marcador.
Em Vale de Cambra, a turma de Caria alcançou por duas vezes, uma vantagem de três golos (3-0 e 5-2), mas não conseguiu melhor do que um empate a cinco bolas, com golos de Carlitos (2), Tiko, André Carapito e um auto-golo.
Com este empate, a turma de Caria reforça a terceira posição do campeonato, com 16 pontos, mas deixa fugir os dois primeiros classificados São João (22 pontos) e Viseu (21 pontos).
No próximo sábado, um grande jogo em perspectiva no Pavilhão Municipal de Caria, com a recepção à turma de Viseu no fecho da primeira volta do campeonato. Um confronto entre as equipas mais concretizadoras desta série do campeonato."

Texto: Nelson Fernandes (Rádio Caria)

RESUMO

Em breve

FICHA DE JOGO

Domingo | 30 Novembro | 18:00
8ª Jornada | CN II Divisão| Serie C
Pavilhão Municipal de Vale de Cambra
Árbitros: Cristiano santos e Rúben Santos (AF Porto)
ACR Vale de Cambra 5 - 5 UD Cariense

UD CARIENSE
Mika (GR), André, Gonçalo, Carlitos, Fábio, Mica, Carapito, Tiko, Ângelo,Traitas, Shina (C) e Mocho (GR).
Não convocados: Pirico, Peli, Tony, David e Dário (GR)
Treinador: Vitor Espinhaço

ACR Vale de Cambra

Treinador:

DISCIPLINA
Amarelos:
Vermelho:

EM FRENTE UDC

segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

Juvenis saem para o "intervalo" na frente!

No passado sábado os nosso juvenis deslocaram-se ao pavilhão da AD Fundão para disputar o primeiro jogo da final do torneio de abertura, onde venceram por 2-4, num jogo em que aos 5 minutos os nossos miúdos já perdiam por 2-0, mas que mostraram uma grande reacção aos golpes sofridos.


Antevia-se um grande jogo entre os vencedores da serie A e B (ambos só com vitórias), e a equipa da casa a entrar a todo o gás aproveitando o adormecimento dos nossos atletas, Angeja inaugura o marcador aos 4'. Ainda o Caria se recompunha do golo madrugador sofrido e já Eduardo Tomás disferia um míssil indefensável fazendo o 2-0, as coisas complicavam-se para o Caria.
Aos 8'  Henrique recupera um bola no ataque e ele próprio faz o 2-1. O Fundão voltou à carga e Joni acerta no poste de João Andrade aos 9'.
Jogo electrizante com o Fundão a estar por cima, mas a partir do minuto 10' a UDC começou a tomar conta das operações, equilibrou o jogo e procurou incansavelmente o empate. Aos 17' Cristóvão acerta com estrondo no poste, com o GR do Fundão completamente batido. Na reacção perda de bola de Hugo em zona recuada, mas Angeja não leva a melhor sobre João Andrade.
O Cariense continuava a procurar o empate que nesta altura já era justo e de bola parada primeiro Hugo obriga o GR do Fundão a boa intervenção e depois Cristóvão acerta na malha lateral. Henrique também não conseguiu levar a melhor e Lucas demorou tempo demais para empatar.
O empate iria mesmo chegar ao minuto 28', Cristóvão lançado rapidamente na cara de José Gabriel, pica a bola por cima do GR não dando hipóteses de defesa.
Intervalo, tudo como começou, primeira parte com a UDC a correr a traz do prejuízo.
Segunda parte com a UDC a falhar alguns passes nos primeiros 2' mas desde logo a acertar e a vir para cima do adversário procurando a vantagem, o que aconteceu aos 6' por Henrique, na tentativa de procurar alguém no segundo poste a bola bate num defensor traindo Filipe, estava consumada a reviravolta, mas pouco depois aos 10' jogada de insistência pela esquerda do ataque Cariense e Hugo a jogar para o meio onde surge Cristóvão e  Adriana com o primeiro a disferir um míssil para o 2-4.
A partir daqui o Cariense libertou-se de vez e mostrou aos muitos adeptos o bom futsal que já nos habituou com 10 minutos em que encostou a equipa do Fundão "às cordas", futsal rápido, de pé para pé, criando inúmeras situações de golo. Tiago por 3 vezes não levou a melhor sobre Filipe, também Adriana na cara do golo, tentou oferecer o mesmo a Cristóvão mas o passe saiu muito longo.
O Fundão voltou à carga nos últimos 5 minutos mas aí João Andrade respondeu da melhor forma mantendo a baliza da UDC inviolável.
Vitória justa que peca por escassa, num excelente jogo de futsal quase sempre jogado com muito fair-play e respeito entre jogadores e equipa de arbitragem. Nota ainda para boa moldura humana no pavilhão da ADF.

O destaque individual desta partida vai para Cristóvão que esteve mais perto dos níveis exibicionais esperados, 2 golos e uma assistência cotou-se junto com Henrique nos melhores em campo.

Arbitragem segura liderada por Licínio Duarte, sem grandes casos nem erros de maior. 

segunda-feira, 24 de novembro de 2014

2ª Eliminatória da Taça de Portugal



RESUMO

Em breve

FICHA DE JOGO

Sábado | 22 Novembro | 16:45
Taça de Portugal | 2ª Eliminatória
Pavilhão Municial do Formigueiro - Maia
Árbitros: Pedro Pereira e João Silva (AF Aveiro)
Arsenal CP 5 - 2 UD Cariense

UD CARIENSE
Mika (GR), André, David, Carlitos, Peli, Mica,Tiko, Ângelo, Shina (C) e Dário (GR).
Lesionados: Carapito e Traitas
Não convocados: Gonçalo, Pirico, Fábio, Tony e Mocho (GR)
Treinador: Vitor Espinhaço

ARSENAL CLUBE PARADA
João Nunes (GR), Saul, Barros, Fabio Faria, Ricardo Ferreira, Pedrinho (C), André Pessoa, Dany, Emanuel e Paulinho (GR).
Treinador: Maranho Neves

EM FRENTE UDC

domingo, 23 de novembro de 2014

Encontro de promoção das escolinhas de Futsal foi um sucesso!

Realizou-se hoje no Pavilhão Gimnodesportivo Municipal de Caria o primeiro Encontro de Escolinhas do distrito de Castelo Branco, no qual competiram os escalões de Petizes e Traquinas. 


Nesta iniciativa da pró-activa secção de formação da UDC participaram além das equipas da casa os conjuntos da ARB Boa Esperança, GDAC Bouça e AD Fundão.


Presenteou-se uma tarde de muita animação e diversão, com uma excelente moldura humana para apoiar as crianças num evento que animou a nossa vila numa tarde chuvosa. 


No final da tarde decorreram ainda dois jogos entre o GDAC Bouça e a UD Cariense nos escalões de Infantis/Iniciados e Juvenis com os seguintes resultados:

GDAC Bouça Infantis 0 - 6 UD Cariense Infantis 

UD Cariense Iniciados 3 - 3 GDAC Bouça Juvenis 

EM FRENTE UDC

Juvenis carimbam passaporte para a final do Torneio de Abertura!

Este Domingo jogou no pavilhão da UBI o jogo decisivo no que tocava à passagem à final da Taça. A UDC precisava apenas de empatar depois da vitória tangencial em casa (4-3). 
De enaltecer excelente moldura humana presente no pavilhão, com mais de meia casa para assistir a um jogo que se antevia de alguma qualidade e muito renhido.



A UDC entrou melhor no jogo a controlar a posse de bola, não deixando a GDM/AAUBI aproximar-se da baliza de João Andrade e foi com naturalidade que chegou ao 0-1 por Tiago Marques à passagem do minuto 3'.
A reacção da equipa da casa não se fez esperar e após excelente jogada individual de João Matos, Hugo introduz a bola na própria baliza. Mas os nossos miúdos não baixaram os braços e após uma defesa de João Andrade este lança Cristóvão em contra-ataque que repõem a vantagem.
Mas a equipa da casa rapidamente voltava a empatar por João Matos a encostar um remate no segundo poste.
Aqui o jogo estava equilibrado mas a UDC voltaria a marcar e por duas vezes em 5 minutos, primeiro Tiago e depois Hugo colocavam o score em 2-4, a 5 minutos do intervalo as coisas pioraram para os locais, boa pressão de Lucas e a obrigar o adversário a fazer um passe arriscado em zona proibida onde surge Henrique a rematar de primeira e a fazer o 2-5 .
25 minutos de grande intensidade e muito desgaste por parte da alguns jogadores da UDC, de tal forma que o mister Costinha gere a posse de bola os últimos minutos da primeira parte utilizando guarda-redes avançado.
Intervalo, excelente primeira parte com muito futsal parte a parte, afinal jogavam as duas melhores equipas da serie.
Segunda parte a iniciar com bom ritmo e nos primeiros minutos Cristovão desperdiça por duas vezes de 1X0 o 2-6, os locais recorreram ao GR avançado para tentar minimizar os estragos mas apesar do desacerto em alguns momentos não conseguiram importunar a baliza cariense.
Seria mesmo a UDC a marcar, pela capitã Adriana a deixar 2 adversários no chão e a rematar para o ângulo superior esquerdo sem hipótese para o GR que ainda toca na bola.
O jogo a partir daqui baixou de qualidade surgindo demasiados lances individuais, e com  a UDC a ser competente na defesa do GR avançado apenas um lance de destaque com a bola a embater no poste de João.
Até final nota para expulsão de Leo após "agressão" a Adriana atirando-lhe com a bola.
Um jogo em que a equipa se fez valer de ela mesma não houve grande destaque individual, nota para Tiago que surgiu mais confiante e equilibrou a equipa defensivamente quase irrepreensível.
Equipa de arbitragem com alguns lapsos mas sem qualquer influência no resultado.


terça-feira, 18 de novembro de 2014

7ª Jornada Campeonato Nacional 2ª Divisão Serie C 2014/2015


RESUMO


FICHA DE JOGO

Sábado | 15 Novembro | 18:30
7ª Jornada | CN II Divisão| Serie C
Pavilhão Gimnodesportivo Covão do Lobo
Árbitros: Tiago Querós e Nuno Bogalho (AF Coimbra)
CCDR Covão Lobo 0 - 3 UD Cariense

UD CARIENSE
Mika (GR), André, Gonçalo, David, Carlitos, Fábio, Mica,Tiko, Ângelo,Traitas, Shina (C) e Mocho (GR).
Lesionado: Carapito
Não convocados: Pirico, Peli, Tony e Dário (GR)
Treinador: Vitor Espinhaço

CCDR Covão Lobo
Gramáta (GR), Tiago Gandarez, Rafa, Hugo Tavares, João Oliveira, Hugo Simões, Fred (C), Daniel Oliveira (GR), Russo, Leo, Vitó e Gonçalo Barão.
Treinador: Vitor Blanco

DISCIPLINA
Amarelos: João Oliveira e Daniel Oliveira (2)
Vermelho: Daniel Oliveira

EM FRENTE UDC

quarta-feira, 12 de novembro de 2014

6ª Jornada Campeonato Nacional 2ª Divisão Serie C 2014/2015

"Mais uma bela exibição da União Desportiva Cariense que está a dar cartas na sua estreia em campeonatos nacionais de futsal, muito por culpa de um treinador experiente e de um colectivo com grande dedicação.
Num encontro entre dois campeões distritais, a União Desportiva Cariense somou a quarta vitória da época, ao vencer o Pedreles de Mangualde por 8-5 para a 6ª jornada do Campeonato Nacional da 2ª divisão de Futsal.
Numa primeira parte de luxo, a turma de Caria brindou os adeptos com uma excelente exibição coroada com sete golos, contra três do adversário. Uma real demonstração da capacidade da equipa que continua a valer pelo seu colectivo, incansável na procura da bola e do golo, que proporcionam grandes momentos de futsal.
Na segunda parte do jogo, com uma vantagem de quatro golos para gerir, a turma de Caria passou por alguns apuros mas soube defender perante a ofensiva do adversário e acabou por ganhar com toda a justiça um jogo de boa qualidade fruto do empenho dos jogadores.
Os golos da União Desportiva Cariense foram apontados por Shina (5’ e 20’), Carlitos (9’ e 27’), Gonçalo (11’) Mica (13’), Ângelo (14’) e Tiko (17’). Para o Pedreles Beira Dão Clube de Mangualde marcaram Guri (4’), André (9’ e 35’) e Vítor (18’ e 35’).

O trio de arbitragem da Guarda, liderado por Tiago Cadete, fez um trabalho razoável, mostrou oito cartões amarelos e até chegou a exibir, por lapso, o cartão vermelho (por duplo amarelo) a um atleta do Pedreles que acabou por ficar em campo, depois do pedido de desculpas do árbitro principal.

No final do encontro, o treinador Vítor Espinhaço destacou a “boa vitória da equipa, com uma entrada decisiva, uma primeira parte intensa”, preparou a equipa para ganhar, “os jogadores estão de parabéns”. O treinador agradeceu o apoio do público e da claque da União Desportiva Cariense “que tem sido incansável”.

A equipa de Caria vai ter agora três deslocações consecutivas (Vagos, Maia e Vale de Cambra), regressando a casa apenas no dia 06 de Dezembro para a última jornada da primeira volta do campeonato frente á turma de Viseu."

Texto: Nelson Fernandes (Rádio Caria)

RESUMO

FICHA DE JOGO

Sábado | 08 Novembro | 18:00
6ª Jornada | CN II Divisão| Serie C
Pavilhão Gimnodesportivo Municipal de Caria
Árbitros: Tiago Cadete e Manuel Pinto (AF Guarda)
UD Cariense 8 - 5 Pedreles BDC

UD CARIENSE
Mika, André, Gonçalo, Carlitos, Fábio, Peli, Mica,Tiko, Ângelo,Traitas, Shina e Mocho.
Lesionado: Carapito
Não convocados: Pirico, David, Peli e Tony
Treinador: Vitor Espinhaço

PEDRELES BDC
Pedro, Guri, Péle, André, Julinho, Roberto, Passinha, Vitor, Bruno, Fábio e Helder.
Treinador: Marco Filipe

EM FRENTE UDC

terça-feira, 11 de novembro de 2014

Iniciados não vacilam!

Jogou-se a terceira jornada do campeonato de iniciados com a recepção ao Fundão B, numa jornada em que os outros lideres (Vila de Rei e Fundão A) tinham confronto marcado no pavilhão do Fundão, os nossos iniciados não desperdiçaram a oportunidade de somar mais uma vitória e continuar a pertencer ao grupo da frente,  a par do Fundão A que goleou o Vila de Rei por 11-1.

A UDC chega à vantagem natural aos 8' por Nico. Num jogo em que o mister André optou por rodar alguns dos nossos atletas até agora menos utilizados, os nossos pequenos a entrarem bem a comandar e a marcar, a vantagem viria a ser ampliada ainda antes do intervalo por Bruno Serrano.

Chegava o intervalo com o marcador em 2-0.

Na segunda parte a equipa da ADF veio à procura do prejuízo e chegou ao 2-1 à passagem do minuto 16' numa perda de bola de Bongas em zona proibida.

Contudo Bruno voltaria a marcar por duas vezes e a fixar o marcador no 4-1 final.

Vitória justa e arbitragem sem qualquer contestação num jogo em que nem se deu por ela.



Juvenis venceram jogo de nervos

A equipa de Juvenis da UDC recebeu e venceu, no passado domingo, dia 2 de Novembro, a equipa do GD Mata/AAUBI por 4 bolas a 3. Em causa estava a liderança da serie A do torneio de abertura.
Jogo de muitos nervos, muita entrega de ambas as equipas e a vitória a surgir para a equipa que mais procurou o golo.


Inicio da partida desde logo marcado por um falhanço de Messias, que de baliza aberta não conseguiu finalizar um jogada depois de bem assistido por Henrique.
Aos 6' minutos de jogo Hugo a aparecer muito bem na cara do guarda-redes da equipa adversária mas a não conseguir finalizar. Também mérito para o guarda-redes pela boa defesa.
A UDC era equipa que tinha mais bola e que mais tomava o rumo o do jogo mas foi a equipa da Mata/AAUBI que, aos 8' minutos levou a bola a bater com estrondo no poste da baliza defendida por João Andrade. Um minuto depois grande intervenção de João a dar o "corpo às balas" e a fechar muito bem a sua baliza.
A equipa visitante por a primeira a adiantar-se no marcador aos 13' minutos, após perda de bola infantil da Cristovão em zona proibida, deixando o seu oponente apenas com João Andrade pela frente e este sem hipótese de defesa. O empate chegou ao minuto 18' por intermédio de Cristovão após combinação com Hugo, dentro da área adversária.
Os pupilos do mister Costinha chegaram à vantagem ao minuto 22' por intermédio de Adriana num grande remate sem hipótese de defesa. Aproveitou muito bem uma falha de marcação da equipa liderava por Bruno Xavier para marcar o segundo golo da sua equipa.
A um minuto para o descanso a equipa que viajou da Covilhã a chegar ao empate num grande pontapé, aos 9 metros, sem a mínima hipótese para João Andrade. Com 2 - 2 no placar se chegou ao intervalo.
Logo no primeiro minuto do segundo tempo Adriana a desperdiçar um lance e que surge sozinha na cara do guarda-redes adversário.
O Cariense procurava o golo da vantagem mas Henrique por duas vezes a não acertar no alvo e é João Andrade que brilha ao fazer 3 grandes intervenções em pouco espaço de tempo.
O GD Mata/AAUBI teve ao minuto 8' uma bola na barra mas Cristovão ao minuto 10' a fazer o 3-2. Depois de recuperar a bola e conduzi-la de forma muito rápida até junto da área adversária, serve Hugo com este a devolver para o nº7 dos locais finalizar bisando assim na partida.
Aos 25' minutos Adriana a errar um passe longo deixando a bola à mercê de um adversário, que com a baliza deserta remata fazendo o 3-3. 1 minuto depois a equipa forasteira podia ter sentenciado o jogo mas o melhor que conseguiram foi acertar no poste.
 "Quem não marca sofre" já diz o ditado e foi o que aconteceu aos 28' minutos quando Hugo conduz a bola, passa para Adriana e esta assiste Cristovão no segundo poste para o 4-3 final, para delírio do público afecto à equipa da casa.

Destaque individual desta partida para João Andrade que com um punhado de intervenções de grande nível ajudou a sua equipa a conquistar mais 3 pontos.

A arbitragem a não ter influencia directa no resultado mas a cometer alguns erros ao longo da partida.

quinta-feira, 6 de novembro de 2014

5ª Jornada Campeonato Nacional 2ª Divisão Serie C 2014/2015

"No regresso a casa, depois da vitória em Aveiro e da derrota em Coimbra, a União Desportiva Cariense somou a terceira vitória no Campeonato Nacional da 2ª divisão. Para a 5ª jornada, a equipa de Caria venceu, por 3-1, frente à Associação Desportiva de São Romão que continua no último lugar da série C, ainda sem pontuar.
Foi um jogo difícil para a equipa comandada pelo treinador Vítor Espinhaço que encontrou pela frente uma equipa fechada, com linhas muito baixas, á espera do erro do adversário para contra-atacar. O único golo da primeira parte surgiu aos seis minutos para a equipa da casa, numa boa jogada colectiva que culminou com o golo de Carlitos, um dos melhores em campo.
A equipa de Caria teve outras boas oportunidades para dilatar o marcador, com Traitas a falhar de baliza aberta e Carlitos a rematar ao poste. Uma primeira parte dominada pela equipa da casa que apenas encontrou alguma resistência quando o adversário apostou no guarda-redes avançado, o que aconteceu em vários períodos do jogo.
No segundo tempo, a turma do distrito da Guarda veio com outra disposição, ao subir as suas linhas abriu mais espaço e consequentemente mais oportunidades de golo. A equipa da casa aproveitou para intensificar a circulação de bola, uma característica positiva da turma de Caria, e com naturalidade chegou ao segundo golo de novo por intermédio de Carlitos (29’) servido pelo companheiro Traitas.
Numa fase em que a equipa de São Romão continuava a apostar no guarda-redes avançado, Ângelo Cunha numa recuperação de bola, aproveitou a baliza deserta para fazer o terceiro golo aos 35 minutos, na resposta o adversário fez o golo de honra apontado por Faísca e acabou por encostar o adversário nos últimos instantes do jogo. onde o melhor que conseguiu foi uma bola ao poste.
A vitória da União Desportiva Cariense não merece contestação, foi a melhor equipa em campo e a única que procurou sempre o triunfo. Quanto á equipa de arbitragem que viajou desde Coimbra, não se deu por ela, assinou um trabalho muito positivo sem qualquer castigo disciplinar, e quando assim é, ganha o espectáculo e a modalidade.
Um encontro marcado pela estreia de Gonçalo (ex-Alcaria), mais uma opção para o treinador Vítor Espinhaço que neste jogo se viu confrontado com as limitações físicas de jogadores influentes no plantel, casos de Mica e Carapito.

No final do encontro, o treinador Vítor Espinhaço reconheceu que “foi um jogo extremamente complicado, o adversário defendeu muito atrás. Com todo o respeito que o São Romão me merece, estes jogos são muito complicados, com equipas que não têm nada a perder e para nós os três pontos eram importantes. Acho que em determinados períodos do jogo, os jogadores acusaram a responsabilidade. O guarda-redes avançado fez alguma mossa, mas somos uns justos vencedores”.

Por seu lado o treinador da Associação Desportiva de São Romão, Dário Figueiredo, referiu que tem uma equipa muito nova, “60 por cento da equipa é sub-20. Vai ser assim neste campeonato, trabalhar para os três pontos. Falta uma vitória para dar moral, não está a ser fácil até porque esta é a série mais competitiva do campeonato”."

Texto: Nelson Fernandes (Rádio Caria)

RESUMO

FICHA DE JOGO

Sábado | 01 Novembro | 18:00
5ª Jornada | CN II Divisão| Serie C
Pavilhão Gimnodesportivo Municipal de Caria
Árbitros: Carlos Dias e Nuno Pereira  (AF Coimbra)
UD Cariense 3 - 1 AD São Romão

UD CARIENSE
Mika, André, Gonçalo, Ângelo, Carlitos, Fábio, Mica, Carapito, Tiko, Traitas, Shina e Dário.
Castigado: Mocho
Não convocados: Pirico, David, Peli e Tony
Treinador: Vitor Espinhaço

AD SÃO ROMÃO
Tiago Gomes, Richard, Guta, Tordo, Joca, Ricky, Deco, Nuno, Mourão, Faisca e Tiago Santos.
Treinador: Dário Figueiredo.

EM FRENTE UDC

domingo, 2 de novembro de 2014

Iniciados vencem na Idanha

Jogou-se ontem a 2º jornada do campeonato de iniciados, com a visita ao reduto da Associção Desportiva de Idanha-a-Nova (ADIN), que culminou com a vitória incontestável por 0-3 contra uma equipa aguerrida que lutou até ao apito final.

Entrada forte da UDC e nos primeiros minutos a encostar a equipa da casa nos últimos 12 metros de campo com a Idanha a não conseguir ter bola.

Logo aos 7 minutos Eurico descobre Miguel no 2º poste mas este a não conseguir empurrar a redondinha lá para dentro.

A UDC carregava mas tardava a encontrar soluções para inaugurar o marcador, a Idanha tentava responder mas só chegou à baliza de Gonçalo aos 13 minutos.

Aos 16 minutos surge o 0-1, jogada individual de Adriana desvia do adversário e remata cruzado com a bola a tocar o poste e a entrar no canto inferior da baliza.

O Caria queria mais e Eurico mostrava-se rematador mas o GR adversário dava conta do recado e a Idanha cresceu no jogo, podia mesmo ter feito o empate aos 21 com a Adriana a salvar em cima da linha de golo com Gonçalo totalmente batido.

O final da primeira parte foi de algum sufoco por parte da Idanha.

A segunda parte trouxe a UDC mais personalizada a jogar de pé para pé e a encontrar sempre espaço para jogar, contudo muito desacertada na finalização e no último passe.

Até que aos 6´ Eurico amplia a vantagem numa jogada em que o GR adversário fica mal na fotografia.

A reacção dos locais não se fez tardar e aos 8´ Tobias acerta no poste, minutos volvidos e os locais obrigavam Gonçalo a por-se à prova, com o GR da UDC a segurar a vantagem.

Os nossos sub 15 voltaram à carga e Eurico isolado por 3 vezes a não levar a melhor sobre o GR adversário, também Bruno em posição privilegiada a não fazer melhor que atirar ao lado.

O golo que sentenciaria o jogo chegaria ao 20´ por Rafa numa jogada de laboratório com a capitã Adriana a fazer a assistência.

O jogador em mais evidência na UDC foi Gonçalo, por manter a baliza da UDC inviolável nos momentos-chave do jogo.

Arbitragem segura sem contestação, evitando cartões ao máximo e sem erros de maior.




terça-feira, 28 de outubro de 2014

4ª Jornada Campeonato Nacional 2ª Divisão Serie C 2014/2015

No passado sábado, um pavilhão muito bem composto do Centro Social São João, recebeu o jogo que opunha o líder e o segundo classificado da serie C do campeonato nacional da 2ª divisão. A levar a melhor a equipa da casa, numa primeira parte em que os pupilos de Vitor Espinhaço a não conseguirem praticar o futsal que nos vinham habituando.


A UDC a entrar no jogo quase a perder, pois um mau passe de Shina no primeiro minuto de jogo a colocar a bola nos pés do adversário e este a rematar sem hipóteses para Mocho.
Pouco tempo depois também David a entregar a bola a um adversário mas este a não conseguir finalizar. O mesmo David, aos 6' minutos a levar uma bola à barra num forte remate. Talvez o melhor lance que se viu do Cariense no primeiro tempo.
Aos 10" minutos mais uma contrariedade para a equipa do concelho de Belmonte, Mocho a ser expulso após o árbitro considerar que este tocou na bola fora da área com a mão. No minuto seguinte, já com Mika na baliza e a jogar em inferioridade numérica a UDC a sofrer o segundo golo.
0 3-0 a surgir aos 11,20" minutos, logo após a reposição de bola em jogo.
Aos 15" minutos Mica a reduzir para o Cariense após boa recuperação de bola e boa assistência de Carlitos. Com 3-1 no marcador se chegou ao intervalo.
Se a primeira parte começou mal para a UDC que dizer da segunda, onde a equipa da casa logo aos 30" segundos a fazer o 4-1. O resultado não aumentou nos minutos seguintes pois Mika e os postes da baliza evitaram o pior.
Ao minuto 8' do segundo tempo Carlitos a reduzir para 4-2 num remate forte aos 12 metros. Nos minutos seguintes o Cariense a "chegar" finalmente ao jogo e a querer discutir o resultado do mesmo. Vários lances de perigo junto da área adversária bem como muitos remates mas sem o efeito desejado.
O 4-3 final a chegar aos 19' minutos por intermédio do capitão Shina através da conversão de uma grande penalidade.

No próximo fim-de-semana a UDC joga em casa, frente à equipa da AD São Romão. O jogo está marcado para as 18 horas no Pavilhão Gimnodesportivo Municipal de Caria.

RESUMO




FICHA DE JOGO

Sábado | 25 Outubro | 18:30
4ª Jornada | CN II Divisão| Serie C
Pavilhão Centro Social São João
Árbitros: João Silva e Pedro Pereira  (AF Aveiro)
CS São João 4 - 3 UD Cariense

CS SÃO JOÃO
Gregório, Mário, Zeca, Picasso, Gustavo, Jardel, Luisinho, Vasco, Joel Branco, André Matos e Batalha.
Treinador: Alcides lopes

UD CARIENSE
Mika, André, Ângelo, David, Carlitos, Fábio, Peli, Mica, Tiko, Traitas, Shina e Mocho.
Lesionados: Gonçalo e Carapito
Não convocados: Pirico, Tony e Dário
Treinador: Vitor Espinhaço

DISCIPLINA
Amarelos - Zeca, Carlitos e Shina
Vermelho- Mocho

EM FRENTE UDC

domingo, 26 de outubro de 2014

Iniciados entram com o pé direito!

Começou no passado sábado o campeonato distrital de iniciados com a UDC a receber e vencer a Boa Esperança, uma equipa com algumas caras novas e muita renovação face ao ano transacto, valeu-se de muitos infantis para arrecadar os primeiros 3 pontos num campeonato que tem tudo para ser interessante e competitivo.

Entrada forte da UDC a procurar o golo logo nos primeiros minutos mas a pecar muito na finalização, por outro lado notava-se alguma lentidão nos processos e o jogo a não ser muito fluído, contudo ia animando os muitos presentes na bancada, de louvar que a turma albicastrense fez-se acompanhar de um grupo bastante extenso de adeptos.

O primeiro golo do encontro tardou mas chegou á passagem do minuto 15, num remate forte da capitã Adriana. Contudo o Boa Esperança procurou também importunar a baliza cariense e obrigou Gonçalo a colocar-se à prova por algumas vezes.

Os Cariense sentiam necessidade de alargar a vantagem e procuravam constantemente amplia-la mas a lentidão com que se jogava e a boa organização adversaria não permitia ampliar a vantagem. Eurico isolado não fez melhor que acertar no guarda-redes adversário, depois disferiu um bomba ao poste, e por fim conseguiu ampliar a vantagem para 2-0 com que se chegou ao descanso.

O inicio da segunda parte foi frenético, com a Boa Esperança a reduzir logo nos primeiros minutos num bom remate de fora da área com a bola tocada por Gonçalo a ir ainda à trave.

Este golo veio despertar os pupilos de Costinha que em apenas 5 minutos ampliaram para 5-2 e mataram o jogo com golos de Eurico, auto-golo e Nico através de uma jogada de laboratório.

os ultimos 16, 17 minutos a UDC continuou a carregar com muita posse de bola  e a encostar a Boa Esperança no seu último reduto, mas mesmo assim não estava facil de ampliar a vantagem.

O 6-1 final aconteceu por Adriana, a finalizar uma jogada na cara do guarda-redes.


Jogo sem grandes destaques individuais, Eurico esteve em bom plano com 2 golos e um punhado de boas situações.

A equipa de arbitragem não cometeu erros de maior num jogo fácil procurou educar, não recorrendo a qualquer cartão.


terça-feira, 21 de outubro de 2014

3ª Jornada Campeonato Nacional 2ª Divisão Serie C 2014/2015

No passado sábado a UD Cariense deslocou-se ao terreno do SC Beira-Mar, equipa que liderava a serie C do Campeonato Nacional da 2ª Divisão, para conseguir a primeira vitória fora de portas.
Num pavilhão bem composto e com uns adeptos locais muito entusiastas, os pupilos de Vitor Espinhaço a conseguirem levar de vencida por 8 bolas a 3 a equipa local.


Nos minutos iniciais da partida o Cariense a sentir algumas dificuldades para travar a equipa da casa que logo aos 4' minutos se adiantou no marcador. A vantagem não aumentou para os locais devido a Mocho, mais uma vez em bom plano, a fazer um punhado de boas defesas.
Aos 6,30" minutos Traitas a ganhar uma bola dentro da área adversária e a assistir Tiko para o 1-1.
O perigo rondava uma e outra baliza, com Shina a ver um remate seu embater no poste da baliza adversário no minuto 9'.

A equipa da casa adiantou-se novamente no marcador à passagem do minuto 12' na conversão de um pontapé de canto. Alguma desatenção do Cariense na marcação mas o remate a ser muito bem executado sem hipótese de defesa para Mocho. Sem tempo para grandes festejos o Beira-Mar a ver o Cariense empatar 1' minuto depois por intermédio de Mica após boa combinação com Shina.
Os pupilos do mister Vitor eram por esta altura que liderava o rumo do jogo e com naturalidade chegaram ao terceiro golo ao minuto 18', novamente por Mica, num remate forte à entrada da área, bisando assim na partida.
A 15' segundo do descanso o Cariense a aumentar a vantagem para 2 golos. Boa recuperação de bola de Carlitos no meio-campo e num contra-ataque rápido de 3 para 2 o mesmo Carlitos a finalizar com assistência da Tiko.
Após o intervalo a equipa da casa a entrar com vontade de mudar o marcador mas Mocho que não tinha ido a Aveiro apenas passear e a realizar mais uma grande exibição. A falta de pontaria dos homens do Cariense e o guarda-redes da casa também a não permitirem o aumento da diferença de golos.
Ao 12,30" do segundo tempo a equipa do Baira-Mar a ficar reduzida apenas a 4 elementos. Com mais um homem em campo o Cariense a aproveitar para colocar o marcador em 2-5 ao minuto 13'. Carlitos a rematar e a 2 metros da linha de baliza Shina a desviar para o fundo das redes.
Ao minuto 15' e quando o Beira-Mar já utilizava o guarda-redes avançado, Mocho a defender um remate e ele próprio a rematar para a baliza deserta do Beira-mar, fazendo assim o sexto golo da sua equipa. O 2-7 a surgir ao minuto 16' por intermédio de Ângelo, também num remate para a baliza sem guarda-redes. O oitavo golo é da autoria de Tiko, após boa jogada de contra-ataque e assistência de Ângelo.
O 3-8 final a surgir a 50' segundo do apito afinal numa má colocação de bola com os pés de Mocho que dá um contra-ataque bem finalizado para a equipa da casa.
Com este resultado a UDC a chegar ao segundo lugar da tabela classificativa que é liderada pela equipa do CS São João, o próximo adversário da turma de Caria.

RESUMO



FICHA DE JOGO

Sábado | 18 Outubro | 19:00
3ª Jornada | CN II Divisão| Serie C
Pavilhão Sport Clube Beira-Mar
Árbitros: Abílio Bessa e Maurício Couto (AF Porto)
SC Beira-Mar 3 - 8 UD Cariense

UD CARIENSE
Mika, Ângelo, David, Carlitos, Fábio, Peli, Mica, Carapito, Tiko, Traitas, Shina e Mocho.
Lesionados: Gonçalo e Tony
Não convocados: André, Pirico e Dário
Treinador: Vitor Espinhaço

EM FRENTE UDC

domingo, 19 de outubro de 2014

Juvenis vencem mas sem brilho

Iniciaram na passasa sexta-feira as competições da formação, com os Juvenis a darem o pontapé de saída no reduto do GDAC Bouça, onde venceram por 3-6, contudo num exibição muito à quem do que nos vêm habituando. Ainda com algumas ausências, o nosso mister Costinha a dispor apenas de 8 jogadores.


Inicio de jogo com uma ansiedade notória nos atletas da UDC, que ia atrapalhando os processos de um jogo que cedo se percebeu seria de sentido único. Contudo o golo teimava em não chegar e a impaciência dos nossos atletas ia aumentando, chegando o 0-1 apenas aos 10 minutos por Cristóvão a passe de Henrique.
Quatro minutos volvidos e 0-2, jogada a papel quimico ao primeiro toque e Rodrigo a finalizar no segundo poste assistido por Henrique. Contudo a qualidade de jogo da  UDC era atabalhoada, e desta forma surge o 0-3 com Henrique a fazer o golo a meias com o defesa.
Não era uma noite feliz para a UDC e Hugo numa perda de bola no último reduto, permite que a Bouça reduzi-se para 1-3, este mesmo Hugo viria a redimir-se e a fazer o 1-4 de belo efeito com que se chegou ao intervalo.
Nota para 4 ou 5 bolas nos postes que poderiam ter resultado num maior desnível ao descanso, contudo os nossos atletas mostravam-se descontentes com a sua própria exibição.
O 5-1 surge ja na segunda parte por Tiago, mas quando se pensava que o jogo estava resolvido a Bouça em 2 minutos reduz para 3-5, a UDC reagiu pressionou , jogou de GR avançado, mas a falta de inspiração, os postes e um guarda-redes adversário iam evitando males maiores. Até que aos 26 minutos João Nunes à terceira sentencia do jogo e faz o 3-6 final.
Jogo sem grande destaque individual com a equipa a procurar a sua identidade e a sair do pavilhão das cortes insatisfeitas consigo mesma. Destaque para Henrique com 3 assistências.
Arbitragem com jogo fácil em que ficaram por assinalar 2 ou 3 mãos dos jogadores da Bouça, mas de forma pedagógica num jogo resolvido a equipa de arbitragem a tomar a melhor opção evitando cartões escusados,

terça-feira, 14 de outubro de 2014

2ª Jornada Campeonato Nacional 2ª Divisão Serie C 2014/2015

A UD Cariense perdeu no passado sábado frente ao GDR Lameirinhas por 4 bolas a 2 num jogo muito emotivo, equilibrado e que o resultado se torna "injusto" para a forma como os pupilos do mister Vitor Espinhaço se apresentaram em campo.
Quem não perdeu foram as cerca de 280 pessoas que marcaram presença no Pavilhão Gimnodesportivo Municipal de Caria e tiveram oportunidade de assistir a uma grande partida de futsal. 


O adversário, mais experiente, com mais anos nestas andanças e com a derrota sofrida na jornada inaugural em mente a entrar forte no jogo, com muita posse de bola e nos minutos iniciais a não deixar sequer o Cariense sair do seu meio campo.
Na primeira vez que a UDC consegue ter bola, fazê-la circular e criar perigo, a inaugurar o marcador por intermédio de Tiko após boa jogada em velocidade de Shina junto à linha lateral. O cronometro marcava 4,40' minutos de jogo.
Ainda se festejava nas bancadas o golo do Cariense quando as Lameirinhas consegue chegar à igualdade, foi preciso esperar apenas 10' segundos.
Se o Cariense não teve tempo de celebrar, as Lameirinhas também não, pois aos 5,20"minutos Carapito a finalizar muito bem uma jogada de entendimento entre Shina e Tiko, para delírio das várias dezenas de adeptos afectos à nossa equipa. 
Até ao intervalo várias situações de perigo junto de uma e outra baliza mas os guarda-rede sempre em muito bom plano.
Ainda durante a primeira parte parece-nos haver um lance passível de expulsão para Farinha, guarda-redes das Lameirinhas, quando este joga a bola com a mão fora da área.
No inicio do segundo tempo novamente a equipa das Lameirinhas mais próxima da baliza defendida por Mocho, tendo mesmo levado uma bola ao poste da baliza num remate de Ricardo.
Aos 5,30" minutos a equipa da cidade da Guarda a chegar à igualdade através de Mica que coloca a bola dentro da sua própria baliza num lance de infelicidade, sendo que o lance nos parece antecedido de uma falta sobre Shina que o árbitro não assinalou.
Com os lances repartirem-se de parte a parte foi preciso esperar pelo minuto 17" altura em que a equipa das Lameirinhas chega à vantagem no marcador por intermédio de Tiago, num lance de ingenuidade de André que permite ao seu adversário rodar sobre si e finalizar na linha dos 6 metros apenas com Mocho pela frente.
O quarto golo das Lameirinhas a surgir a 13" segundos do fim da partida, com Carapito a perder a bola no meio campo adversário, Tiago a recuperar e conduzir até junto à baliza de Mocho e a disparar sem hipótese de defesa. 

A União Desportiva Cariense vem por este meio agradecer a todos os nossos sócios, adeptos e simpatizantes que no passado sábado se deslocaram ao Pavilhão Gimnodesportivo Municipal de Caria para apoiar a nossa equipa.

RESUMO




FICHA DE JOGO

Sábado | 11 Outubro | 18:00
2ª Jornada | CN II Divisão| Serie C
Pavilhão Gimnodesportivo Municipal de Caria
Árbitros: Bruno Duarte e Sérgio Mendes (AF Castelo Branco)
UD Cariense 2 - 4 GDR Lameirinhas

UD CARIENSE
Mika, André, Ângelo, David, Carlitos, Peli, Tony, Mica, Carapito, Tiko, Shina e Mocho.
Lesionados: Gonçalo e Pirico
Castigado: Traitas
Não convocados: Fábio e Dário
Treinador: Vitor Espinhaço

GDR LAMEIRINHAS
Farinha, Ricardo, Rui, Seco, Paulinho, Tiago, Dani, Sabimbi, Pinto, Maná, David e Rúben.
Treinador: Paulo Alves

DISCIPLINA
Amarelos - Farinha, Carlitos, Shina e Sabimbi

EM FRENTE UDC

quarta-feira, 8 de outubro de 2014

1ª Jornada Campeonato Nacional 2ª Divisão Serie C 2014/2015

Os tri-campeões distritais de Castelo Branco a entrarem com o pé direito nesta nova aventura que passa pela renovada 2ª Divisão Nacional.
Após dois empates em jogos de preparação entre estas duas formações, no jogo oficial a levar a melhor a turma do Cariense ao vencer por 4 bolas a 2.


A UDC a entrar bem no jogo e logo ao 1'30 minuto da partida a ver dupla de arbitragem não assinalar um penalti cometido sobre Traitas, onde este sofre um toque de um adversário dentro da área. 30 segundos volvidos e o primeiro golo para a história do Cariense em nacionais, a ser marcado por Mica, que após boa recuperação de bola no meio campo adversário, a conduzir o lance e a finalizar num remate forte.
Só aos 4' minutos de jogo o Nelas se conseguiu aproximar da baliza defendida por Mocho.
O jogo entrou numa fase jogada a bom ritmo, com várias oportunidades parte a parte mas com as finalizações a não serem as melhores e com o dois guarda-redes em muito bom plano.
Aos 15' minutos da partida Tiko a aumentar a vantagem para a equipa da casa após boa jogada de transição. Dois minutos depois Traitas a permitir a defesa ao guarda-redes adversário na conversão de um livre de 10 metros.
Quem não marca sofre e assim foi, ao 18'40 minutos o Nelas a reduzir a desvantagem, num lance em a bola depois de rematada bate nas pernas de Shina e sofre um desvio antes de acabar no fundo das redes defendidas por Mocho.
Em cima do apito para o descanso o Nelas a cometar nova falta para um livre de 10 metros, que Carapito não conseguiu transformar em golo. Deste lance resultou a expulsão de um jogador do Nelas por acumulação de amarelos.
A segunda metade do encontro a começar com a equipa do Nelas reduzida em menos um elemento e o Cariense a aproveitar para logo aos 00'20 segundos, Traitas aumentar novamente a diferença para dois golos após remate forte sem hipótese de defesa.
Aos 14'00 minutos deste segundo tempo Traitas a ver o segundo amarelo e o consequente vermelho, deixando assim a sua equipa em desvantagem numérica. Neste período o Nelas a aproveitar para reduzir novamente a desvantagem no marcador para 3-2.
Já com 5 homens em campo, Mica a sofrer um carrinho dentro da área adversária e o árbitro a apontar no mesmo instante para a marca da grande penalidade. Deste lance resultou a segunda expulsão para a equipa forasteira. Carlitos, o homem escolhido para tentar finalizar a grande penalidade, a permitir a defesa ao guarda-redes adversário. Dez segundos depois e com a equipa do Nelas reduzida a 4 elementos, Carapito aproveitou para deixar o seu nome da lista de marcadores deste jogo, com um remate forte sem hipótese de defesa a colocar o placar em 4-2 favorável à turma de Caria.
Para os últimos quatro minutos da partida o Nelas a colocar em campo o guarda-redes avançado mas o resultado não ia sofrer alterações, para isso contribuíram a boas intervenções do guarda-redes Mocho.

RESUMO


FICHA DE JOGO

Sábado | 04 Outubro | 18:00 
1ª Jornada | CN II Divisão| Serie C 
Pavilhão Gimnodesportivo Municipal de Caria
Árbitros: Filipe Balbino e Frederico Pires (AF Bragança)
UD Cariense 4 - 2 ABC Nelas

UD CARIENSE
Mika, André, Carlitos, Fábio, Peli, Tony, Mica, Carapito, Tiko, Traitas, Shina e Mocho
Lesionados: Gonçalo e Pirico
Não convocado: Dário
Treinador: Vitor Espinhaço

ABC NELAS
João, Júlio, André, Luís, Ricardinho, Leo, Cláudio, Poupa, Berto, Gaza, Fábio e Pedro.
Treinador: Rui Almeida

DISCIPLINA
Amarelos - Tiko, Traitas (2x), Júlio (2x), Ricardinho (2x), Cláudio e Poupa
Vermelhos - Traitas, Júlio e Ricardinho

EM FRENTE UDC

terça-feira, 23 de setembro de 2014

Escolinhas já trabalham!!

As escolinhas da União Desportiva Cariense já iniciaram os treinos na passada sexta-feiram, sob orientação dos treinadores André e Ana, os mais pequenos deram os primeiros chutos na bola!



A  escolinha da UDC, pretende ser um espaço para os mais pequenos praticarem desporto livremente, sem QUALQUER CUSTO, da mesma forma é um espaço para todos dos 4 aos 11 anos, meninos e meninas.



Os treinos realizam-se todas as sextas-feiras das 18:30 às 19:45 no Pavilhão Gimnodesportivo Municipal de Caria e os meninos e meninas que queiram participar basta aparecerem munidos de equipamento.




No primeiro treino estiveram à disposição dos treinadores 6 atletas sendo que a escolinha conta já com 8 inscritos na primeira sessão de trabalhos.

Sexta-feira, está marcada nova sessão contamos com a sua presença e do seu pequeno craque.

terça-feira, 16 de setembro de 2014

II Torneio Futsal Juvenil UDC Sub-17

A União Deportiva Cariense realizou no passado fim-de-semana 12, 13 e 14 de Setembro, o II Torneio de Futsal Juvenil Sub 17, com a presença de 6 equipas: União Desportiva Cariense, Associação Desportiva do Fundão, Desportivo Jorge Antunes, SC Beira-Mar, GEJUPCE e ACD Âncora D’ Ouro.
A noite de dia 12 esteve reservada para a recepção às equipas participantes e à realização de duas conferências no auditório da Casa da Torre. A primeira teve como orador o Prof. Bruno Travassos, doutorado em futsal e autor do livro “A Tomada de Decisão no Futsal” e a segunda esteve a cargo do Prof. Vitor Espinhaço, treinador UEFA nível III e actual treinador da equipa sénior da UD Cariense.



No dia 13, o Pavilhão Gimnodesportivo Municipal de Caria a receber 6 jogos da fase de grupos, sempre com público nas bancadas durante toda a tarde e noite, que deu um colorido diferente a este torneio e a mostrar que em Caria já se respira futsal.
Os grupos estavam organizados da seguinte forma:

GRUPO A
- UD Cariense
- SC Beira-Mar
- GEJUPCE
GRUPO B
- AD Fundão
- Desportivo Jorge Antunes
- ACD Âncora de D’ Ouro

Os resultados foram:

14:30 h – UD Cariense 3 - 2 GEJUPCE 
16:00 h – AD Fundão 0 - 3 SC Beira-Mar
19:15 h – GEJUPCE 1 - 3 AD J. Antunes 
20:30 h – Âncora D’Ouro 1 - 6 SC Beira-Mar
21:45 h – UD Cariense  2 - 4 AD J. Antunes
23:00 h – Âncora D’Ouro 1 - 3 AD Fundão

No dia 14, a parte da manhã esteve reservada para um passeio na vila de Belmonte que incluíu uma visita ao Museu dos Descobrimentos. Para a tarde o futsal foi de novo o tema principal e onde se jogaram os jogos decisivos.
O jogo de atribuição do 5º e 6º lugar não ocorreu por falta de comparência da equipa Âncora D’ Ouro e por troca alguns jogadores da UDC juntaram-se a alguns do Beira-Mar e juntos defrontaram a equipa do GEJUPCE, mostrando que o convívio foi também nota dominante deste evento.
No jogo que decidia o último lugar do pódio a UD Cariense defrontou a equipa da ADF e depois de um 3 a 3 no tempo regulamentar foi preciso recorrer às grandes penalidades para decidir o vencedor. João Andrade, guarda-redes da equipa da casa foi o herói ao defender 2 grandes penalidades dando assim o 3º lugar à sua equipa.
A final foi disputada entre as equipas do Desportivo Jorge Antunes e Beira-Mar. A equipa de Visela a levar a melhor vencendo por 10 bolas a 1.
No final do jogo teve lugar a entrega dos troféus e a troca de lembranças entre as equipas sempre num clima de convívio e boa disposição.

Desportivo Jorge Antunes
Equipa Vencedora do II Torneio De Futsal Juvenil UDC Sub17

"E chegou ao fim mais uma maratona de trabalho para levar a cabo com sucesso um evento impar no interior do país com balanço bastante positivo! Como me confessou um dos participantes " o que vocês fazem aqui não se faz em lado nenhum", são estas palavras que noa fazem acreditar que todo o esforço e dedicação vale a pena em prol do futsal em geral e da União Desportiva Cariense em particular!!
Parabéns a todos os participantes de certo todos crescemos com a competitividade proporcionada e aqueles que quiseram usufruir dos ensinamentos do prof. Bruno Travassos e do prof. Vitor Espinhaço, bem como do debate gerado pelos participantes!
Uma palavra de agradecimento a todos os que contribuíram de alguma forma e deixo uma certeza dentro em breve se iniciará a preparação do evento do próximo ano onde tentaremos inovar mais um pouco e que o sucesso das duas primeiras edições se repita!" Mister Costinha

A União Desportiva Cariense vem por este meio agradecer ao mister Costinha todo o esforço e dedicação para que o II Torneio de Futsal Juvenil UDC Sub 17 fosse um sucesso.
Como ele refere e bem são, principalmente, as palavras vindas dos treinadores das várias equipas participantes que nos dão a força e motivação necessárias para querermos fazer sempre mais e melhor e levar o nome da UD Cariense, da nossa vila e do nosso concelho mais longe.
Para o ano cá estaremos para a 3° Edição.
Obrigado a todos os participantes, sócios, adeptos, simpatizantes e público em geral que durante os 3 dias deram muita cor e animação ao Pavilhão Gimnodesportivo Municipal de Caria. Agradecemos também a todos os patrocinadores, Câmara Municipal de Belmonte, Junta de Freguesia de Caria e AF Castelo Branco.



Todas as fotos do torneio e todas as novidades da União Desportiva Cariense disponíveis em:
www.facebook.com/udcariense